Semana da Mulher da SPTC

Fonte: A A A

Nesta quinta-feira (08.03), encerraram-se os eventos relativos à Semana da Mulher na Polícia Científica, uma parceria entre o NIAB/SPTC, a ASPEC e a Divisão de Ensino da Polícia.
Os eventos incluíram café da manhã, exposições, bem como importantes palestras acerca da saúde da mulher, da história das mulheres na Polícia, relação entre qualidade de vida e imagem corporal, e atuação da SPTC no atendimento às vítimas de violência doméstica e familiar.

O evento foi aberto a servidores de toda a Polícia Científica, tanto administrativos quanto policiais.

Farmacêutico Khalled Ghader fala sobre a saúde da mulher.

Farmacêutico Khalled Ghader fala sobre a saúde da mulher.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cuidados com a saúde incluiu aferição de pressão arterial e teste de glicemia.

Cuidados com a saúde incluíram aferição de pressão arterial e teste de glicemia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A educadora física Bárbara Souza falou sobre qualidade de vida e imagem corporal.

A educadora física Bárbara Souza falou sobre qualidade de vida e imagem corporal.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A delegada Cybele Tristão falou sobre o papel da polícia científica na aplicação da Lei Maria da Penha.

A delegada Cybele Tristão falou sobre o papel da polícia científica na aplicação da Lei Maria da Penha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A perita criminal e jornalista Marli Vilela contou a história da mulher na polícia goiana.

A perita criminal e jornalista Marli Vilela contou a história da mulher na polícia goiana.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Durante toda a semana, fotos de servidoras foram publicadas no Instagram da polícia técnico-científica.

Durante toda a semana, fotos de servidoras foram publicadas no Instagram da polícia técnico-científica.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O acesso à carreira se dá por meio de concurso público e, em Goiás, as vagas são bastante disputas. Sem dúvida, é muito grande o mérito das aprovadas.

O acesso à carreira se dá por meio de concurso público e, em Goiás, as vagas são bastante disputas. Sem dúvida, é muito grande o mérito das aprovadas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As mulheres estão presentes em toda a PTC, sempre com ótimo desempenho.

As mulheres estão presentes em toda a PTC, sempre com ótimo desempenho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Polícia Técnico-Científica de Goiás é comandanda por uma mulher, a perita criminal e doutora em genética Rejane Sena Barcellos. Não por acaso, a instituição vive um dos seus melhores momentos.

A Polícia Técnico-Científica de Goiás é comandada por uma mulher, a perita criminal e doutora em genética Rejane Sena Barcellos. Não por acaso, a instituição vive um dos seus melhores momentos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: A A A
Publicado por: